Carnaval começa com seis homicídios registrados na Grande João Pessoa

Desses crimes, segundo a polícia, apenas um está relacionado com o período das festas

Polícia | Em 02/03/14 às 11h44, atualizado em 02/03/14 às 20h30 | Por Redação
Aguinaldo Mota
Homem é assassinado no Centro da Capital

O Carnaval começou violento na Região Metropolitana de João Pessoa. Entre esse sábado (1º) e domingo (2) já foram registrados seis homicídios. Desses crimes, segundo a polícia, apenas um está relacionado com os festejos de Carnaval.

Neste domingo um homem foi encontrado morto no bairro do Altiplano, em João Pessoa. Segundo a Delegacia de Homicídios, a vítima foi assassinada quando passava pelo bairro montada em um cavalo. Segundo testemunhas informaram a polícia, o crime teria acontecido na noite de sábado.

Ainda em João Pessoa foi registrado o assassinato de um usuário de drogas, na noite de sabado. O crime aconteceu próximo ao 1º Batalhão da Polícia Militar, no Centro. De acordo a polícia, o usuário e um colega retornavam para casa quando dois homens chegaram em uma moto e efetuaram vários disparos. O colega do usuário de drogas ficou ferido na perna e foi levado para o Hospital de Emergência e Trauma, já o outro homem, não resistiu e morreu no local.

Outro crime, na noite de sábado, aconteceu em Santa Rita. Segundo policiais militares do 7º Batalhão apuraram, uma comerciante de 51 anos foi morta a tiros por um homem quando estava com uma amiga a espera do ônibus na parada na praça Marcos Moura. Segundo a polícia, dois suspeitos chegaram ao local em um carro Fiat Uno de cor prata. Ao ver a vítima um dos homens desceu do veículo e efetuou vários disparos.

A mulher foi atingida com tiros no tórax e cabeça. Ela morreu antes do atendimento médico chegar ao local. A polícia investiga se o homicídio está relacionado com o tráfico de drogas.

À tarde de sábado também ocorreu dois assassinatos na cidade de Sapé, na região da Mata paraibana. O crime aconteceu no bairro Cuba de Cima, situado periferia da cidade e dois homens morreram. Um deles veio a óbito após ser espancado pela população, segundo informou o capitão Estevam Sabino, oficial do Pelotão do Dia da 3ª Companhia de Sapé.

Por fim, o primeiro homicídio registrado na Grande João Pessoa neste Carnaval foi durante a madrugada de sábado. Augusto Matheus Pinheiro foi achado morto em uma calçada da avenida João Machado, no Centro da Capital. A vítima era travesti conhecida como ‘Andressa Pinheiro’, que residia no bairro de Mandacaru, na Capital.

De acordo com as informações da polícia, “Andressa Pinheiro”, havia participado do desfile do bloco “Cafuçú”, no final quando ele se dirigia para a Integração de ônibus urbano, no Varadouro, quando no final da Avenida Nina Lima, em frente ao Boa Sentença, foi abordado por desconhecidos, que depois de um desentendimento, acabaram assassinando a vítima com cerca de 15 golpes de faca peixeira. Além das 15 perfurações, “Andressa Pinheiro” sofreu também fraturas do maxilar e do crânio.

Atenção

Fechar